Siga-nos por e-mail

sábado, 9 de junho de 2012

Bambuzal 2

O mesmo bambuzal - Pogonatherum paniceum - mostrado em postagem anterior, no endereço http://bonsaiminas.blogspot.com.br/2012/05/bambuzal.html 
Havia me proposto a fazer a limpeza dele só na primavera, mas não deu para esperar quando encontrei várias lesmas debaixo do vaso.
Abaixo, o ponto de partida. Muitas hastes secas ou com poucas folhas, e nenhum espaço entre as hastes novas. Sem luz entre elas, a tendência é as folhas só se abrirem nas pontas.



Abaixo: a parte da esquerda foi limpa. Além de retirar hastes secas ou com folhas só nas pontas, também foram criados espaços livres dentro da moita para circular ar e luz.



Quase concluído

Terminado o trabalho de limpeza e aclareio, o riacho foi limpo. Retirada camada velha de areia, que estava cheia de folhas em decomposição, e colocada nova.

Detalhe da vista ao nível do vaso. Pedras de fundo e trecho do riacho que não apareciam ressurgem.

Serviço feito, vai para dentro de casa. Não tenho tokonoma, então uso mesas, racks e aparadores para colocar as plantas. Essa mesa é de Petry, um designer brasileiro. O ten-kei de  martin-pescadores é Swarovski. Vou voltar a ambos os assuntos: ten-kei (objetos de acompanhamento) e tokonoma (espaço para expor bonsai e outras coisas) dentro de casa. Pausa para curtir um pouco.

Abaixo: uma pequena escultura - um veado mateiro - acrescenta uma dose extra de incentivo à fantasia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário